terça-feira, 15 de outubro de 2013

Inimigos para Sempre

Será possível alguma vez erradicar o ódio aos judeus que está lavrado nas escrituras sagradas islâmicas? Um ódio cego, um ódio pelo ódio, um ódio paranóico que culpa 0,19% da Humanidade de todos os males do mundo, ainda que sem qualquer razão objectiva? Um ódio que é capaz de culpar os judeus por estes se atreverem a exercer o direito de legítima defesa nas guerras que os muçulmanos lhes movem desde o século VII?

Este ódio tem como motivo os judeus (e os cristãos, os segundos mais odiados) não terem recebido Maomé como o derradeiro profeta. Esta é a realidade de parte do mundo islâmico, que não tem espaço mental para admitir que cada indivíduo e cada povo tem direito à sua liberdade - de pensamento, de crença, de tudo! Esta é a face do Islão que o Ocidente teima em ignorar, até porque está convencido de que eles "só" querem destruir Israel, e que a nós nos deixarão em paz. Não é assim.

Neste vídeo, postado por um antissemita raivoso, o anfitrião lê um comunicado que culpa os judeus do crime de auto-defesa na Guerra do Yom-Kipur. Esperamos disponibilizar o vídeo do MEMRI em breve.

Está no Alcorão: " Irás certamente encontrar a mais intensa animosidade contra os crentes da parte dos judeus ... " ( 5:82 )

Anfitrião Egípcio de TV: O nosso inimigo é Israel, por toda a eternidade"
MEMRI, 5 de Outubro :

    Seguem-se excertos de um comunicado lido pelo apresentador de TV egípcio Khaled Al- Abraq, que foi para o ar no Canal egípcio 1, em 5 de Outubro de 2013:

    Khaled Al- Abraq: [ Em 1973, na guerra ] os judeus e Israel cortaram as barrigas dos nossos soldados, picaram-nos em pedaços e esmagaram-nos com tanques. Senhores, o nosso inimigo externo sempre será Israel, e o nosso inimigo interno será a ignorância.


    Eles podem tentar inventar outros inimigos para nós, mas o verdadeiro inimigo permanecerá [ Israel ]. Eles nunca nos aceitarão ...

    Sempre nos ensinaram na escola que o nosso inimigo é Israel. Não sei quem eles dizem que é o nosso inimigo, nas escolas de hoje. Eles escolhem um inimigo diferente a cada dois dias. Estou admirado de ouvir as pessoas dizerem que não permitirão que ninguém ataque o Egipto... Eu pensei que eles falavam sobre Israel, mas eles estavam a referir-se ao Hamas!

    Senhores, o vosso inimigo é Israel. O vosso inimigo é Israel. O vosso inimigo é Israel por toda a eternidade. Isto é o que é. [ Israel ] é o inimigo. Isto é o que eu ensino aos meus filhos e o que eles vão ensinar aos filhos deles.

 - E quando se quebrará o ciclo do ódio?

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.