terça-feira, 10 de fevereiro de 2015

No Reino da Fantasia


Há pessoas que podem estar a ver um cão, mas afirmam que é um gato, desde que a Imprensa lhes diga que assim é. Quem diz a Imprensa, diz a ideologia ou o preconceito.

Há dois anos, a organização terrorista Irmandade Muçulmana espalhava o terror no Egipto, com o apoio da administração Obama (aliás recheada de membros desse sinistro gangue). Acompanhámos quanto pudemos todo esse horror. O resultado está na nossa secção EGIPTO.

A Irmandade Muçulmana, com o apoio dos seus aliados terroristas do Hamas, queimou igrejas, assassinou cristãos (os bodes expiatórios da revolta popular) e opositores muçulmanos, raptou crianças cristãs, raparigas cristãs eram violadas e torturadas (publicámos os vídeos), os muçulmanos moderados eram atirados do alto dos edifícios (idem), e até os próprios partidários dos terroristas eram abatidos pelos seus correlegionários durante os confrontos com as forças da Ordem, para culpar estas últimas (ibidem).

A Imprensa Ocidental (com destaque em Portugal para o famigerado órgão de propaganda islamista Al-Público), gastou hectolitros de lixívia para branquear toda a sujidade da Irmandade.

Este é um dos vídeos que na altura demos a conhecer, em que se pode ver as técnicas de propaganda levadas pelos terroristas do Hamas para o Egipto. A Imprensa internacional, quase toda antissemita pró-islamista (como esta "coisa"), colabora na farsa, como podeis ver:



Se é assim em conflitos entre muçulmanos, quando se trata de Israel (universalmente odiado pelos media), é muito pior. 

Mas há quem prefira a fantasia que serve os seus preconceitos, à realidade que os contraria.

http://paliestine.com/


http://honestreporting.com/

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.